Federação de Montanhismo
do Estado do Rio de Janeiro

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte

Campeonato Brasileiro de Boulder 2015

E-mail Imprimir PDF
2

Campeonato Brasileiro de Boulder 2015

1 a 3 de maio, Urca, Rio de Janeiro

Categorias: Juvenil, Junior, Elite e Paraescalada

Premiaçao: Mais de 10000 reais em produtos Deuter, Sea to summt e camelback e premiação em dinheiro para categorias Elite e paraescalada

Presença do Route Setter Internacional Jimmy Morales, além dos Route Setters FEMERJ: Ralf Cortes e Alexandre Flores

Regulamento e inscrições:

www.rionasmontanhas.com.br

 
 

2015 - Rio nas Montanhas (2a SBM)

E-mail Imprimir PDF




APOIO

RIOTUR
   

 CURTLO 


MÍDIA

MOUNTAIN VOICES 

REALIZAÇÃO

CORREALIZAÇÃO

Confederação Brasileira de Montanhismo e Escalada



 

Consulta Pública Sistema de Graduação de Trilhas

E-mail Imprimir PDF

Já faz 61 anos que não é feita uma reavaliação da classificação das trilhas para pedestres usada no Brasil, diferentemente da evolução da classificação / graduação das escaladas. Foi, assim, identificada uma lacuna no esporte e a necessidade de se debater uma nova classificação adequada à realidade dos dias atuais.

Para resolver essa questão, a FEMERJ, com o apoio dos clubes, criou um grupo de trabalho (GT), que durante um ano trabalhou na revisão e atualização da classificação, sempre com o objetivo que ela representasse com clareza, de forma objetiva e simples as trilhas que possuímos.

O documento foi apresentado publicamente em um seminário que aconteceu no dia 10/01/2015 no auditório do Parque Laje (R. Jardim Botânico, 414 - Jardim Botânico), no Parque Nacional da Tijuca. Nesse seminário compareceram representantes de clubes, da FEMERJ, montanhistas, entidades ligadas ao ecoturismo e meio ambiente, gestores de parques, repórteres, além do publico em geral. O documento foi revisto na sua íntegra e, por intermédio de votação, foi refinado.

Por conta de algumas pendências, neste seminário, ficou combinado que seria aberta mais uma consulta pública, esta online, para podermos chegar ao documento final. Portanto, fica declarada oficialmente aberta a consulta pública sobre esse documento até o dia 31/03/2015.

Esperamos contribuições e comentários, sem que os mesmos se atenham a questões gramaticais ou ortográficas, tendo em vista que o documento passará por um revisor antes de sua publicação final. Envie seus comentários para o email: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. , com o assunto: "consulta adorable chinese sex hub pública".

Todas as contribuições serão analisadas pelo GT formado, que a seu critério, incorporará as pertinentes ao documento.

Baixe aqui o documento.

 

Brasileiro 2015

E-mail Imprimir PDF

ATENÇÃO

Este é uma página complementar.
TODAS as informações sobre o Campeonato Brasileiro de Boulder 2015, inclusive regulamento e inscrições
estão no site do evento RIO NAS MONTANHAS www.rionasmontanhas.com





Categorias:

Juvenil (Masculino e Feminino) - para atletas de 9 a 13 anos
Júnior (Masculino e Feminino) - para atletas de 14 a 17 anos
Máster (Masculino e Feminino) - para atletas com 18 ou mais anos
Paraescalada - Adultos portadores de necessidades especiais.

Local:
Praça General Tiburcio - Praia Vermelha - URCA

 

Datas e horários:

Data Horário Categorias
1º de Maio 12 às 17h Juvenil, Júnior e ParaEscalada
2 de Maio 7 às 12h Eliminatórias Master Feminino
2 de Maio 12 às 17h Eliminatórias Master MAsculino
3 de Maio 12 às 17h Finais Master Masculino e Feminino

As inscrições são abertas a qualquer atleta FILIADO a CBME
Procure um clube, ou federação de seu estado que façam parte da CBME (link pro site da CBME)
Para se filiar pela FEMERJ clique AQUI )

Categorias Valor Inscrição
Juv http://uncensored-cartoon.tumblr.com/ enil e Júnior R$45,00
Paraescalada R$55,00
Máster R$ 62,50

INSCREVA-SE AQUI!

REGULAMENTO AQUI!(em breve)

Entrada franca para os espectadores.




Organização: FEMERJ

Realização: CBME

 

 

O Campeonato Brasileiro de Escalada será feito na modalidade boulder em muro artificial a ser construído na própria Praça. O evento será realizado em forma de festival, com as finais do máster no formato IFSC e a inscrição será aberta a atletas de todo o Brasil.

As competições de boulder são as mais modernas e mais crescentes em todo o mundo. Trata-se de um conjunto de muros de escalada em que os escaladores fazem suas tentativas individuais e sem corda. Grandes colchões instalados na base das vias garantem uma aterrissagem segura aos atletas em caso de queda. As competições de boulders são competições dinâmicas e têm feito muito sucesso pela proximidade e facilidade de entendimento do público espectador.

Palco natural de escaladas, o Rio de Janeiro é o maior polo de escalada urbana no mundo. A realização deste campeonato em plena praça visa oferecer um grande espetáculo de flexibilidade, movimentos, força física e mental dos melhores atletas nacionais.

 

 

Última atualização ( Seg, 16 de Março de 2015 15:58 )
 

Assembleia Geral

E-mail Imprimir PDF

Conforme editais divulgados em 21/01/15, o Presidente da FEDERAÇÃO DE ESPORTES DE MONTANHA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - FEMERJ, convoca suas filiadas para a Assembleia Geral Ordinária e a Assembleia Geral Extraordinária que serão realizadas no dia 24.02.2015 na sede do Centro Excursionista Rio de Janeiro – CERJ, na Av. Rio Branco, 277 / 805 - Edifício São Borja - Centro, Rio de Janeiro/RJ.

 

Comunicado - Normas para abertura de vias do PNI

E-mail Imprimir PDF

Em outubro de 2014 foi realizado um Seminário de Minimo Impacto para abertura de vias em Itatiaia, foram 2 dias de apresentações, intenso e participativo debate e troca de sugestões, a partir de um  texto base para discussão produzido por um grupo de trabalho. Como nos demais seminários semelhantes já realizados em outras UC  [Urca (MONA Pão de Açúcar), PE Serra da Tiririca, PE Pedra Branca, PE Três Picos, e MONA Pedra do Baú]  a expectativa é que este seja incorporado às normas das UC, construindo um processo participativo e de confiança entre a gestão da UC e a comunidade montanhistas.

Porém, o seminário do PNI teve algumas peculiaridades em relação aos outras experiências de Seminário, pois o parque não esteve envolvido diretamente das discussões, e o documento gerado do Seminário ficou para ser avaliado pela gestão da UC. Recentemente (22/01/2015) recebemos a informação do resultado da avaliação que gerou uma revisão do documento produzido no seminário (e já está publicado no site do PNI).

Primeiramente, a FEMERJ manifesta o conhecimento sobre a autonomia da gestão do PNI em definir as regras da unidade; e é também reconhecido o histórico do PNI em adotar estratégias de manejo da visitação mais limitadas e restritivas.   Da mesma forma, reconhecemos algum avanço da atual gestão do PNI na direção das boas práticas de manejo de visitação, em particular junto a sempre atuante Câmara Técnica de Montanhismo e Ecoturismo (CTME), e dessa forma reduzir a diferença em relação a gestão da visitação já alcançada pelos outros parques nacionais do Estado do Rio de Janeiro - Parque Nacional da Serra dos Órgãos e Parque Nacional da Tijuca, também sob gestão do ICMBio.

Contudo, é difícil não expressar um sentimento de decepção com a atitude alterar alguns dos fundamentos do documento elaborado no Seminário. Destaca-se que, embora as modificações do texto não sejam em todo o documento, elas alteram profundamente os conceitos ali contidos e refletem no caráter prático da proposta construída no seminário. Lamentamos, também que essas alterações quebram exatamente a motivação e um dos pontos fortes da realização dos  Seminários de Mínimo Impacto, que é a construção de um acordo entre a comunidade e a gestão da UC, em torno das boas práticas em ambientes naturais.

Consideramos que seria possível dar maior respaldo ao produzido pela comunidade montanhista, que apresenta um histórico de reflexão, debate e proposição de diretrizes para boas práticas em áreas naturais, de uma forma que pode ser considerada de vanguarda entre grupos de visitantes no país. A gestão do PNI, com apoio da atuante CTME, poderia através de um simples monitoramento acompanhar o desempenho das diretrizes propostas no seminário, e realizar os ajustes que se fizerem necessários.

Desta forma, a FEMERJ solicita que seja reavaliada a posição do PNI, e adotado o texto original construído durante o Seminário.

Clique aqui para baixar o texto publicado no site do PNI

 

Reuniões Técnicas

E-mail Imprimir PDF


Última atualização ( Dom, 25 de Janeiro de 2015 01:15 )
 

Seminário Trilhas

E-mail Imprimir PDF


Seminario_Classificacao_Trilhas_copy

SEMINÁRIO DE CLASSIFICAÇÃO DAS TRILHAS

Já faz 61 anos que não é feita uma reavaliação da classificação das trilhas usada no Brasil, diferentemente da evolução da classificação / graduação das escaladas. Foi, assim, identificada uma lacuna no esporte e a necessidade de se debater uma nova classificação adequada à realidade dos dias atuais.

Para resolver essa questão a FEMERJ, com o apoio dos clubes, criou um grupo de trabalho que teve o objetivo de rever e atualizar essa classificação de forma que ela represente com clareza, de forma objetiva e simples as trilhas que possuímos.

Para finalizar o trabalho desse GT,  convocamos a todos a participar de uma reunião aberta onde será apresentado e validada a nova classificação. 

Baixe o documento que será debatido: classificacao-trilhas-v3.0.pdf

Data: 10/01/2015
Horário: 9h.
Previsão de Término: 14h ou 15h
Local
: Parque Lage (Parque Nacional da Tijuca) - R. Jardim Botânico, 414 - Jardim Botânico.
           Escola de Artes Visuais (Casarão do Parque Lage) 
Pré-inscrição: Envie um email para: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. . No assunto, coloque: "Inscrição para Seminário de Trilhas" e no corpo do email, coloque seu nome e, caso seja associado a alguma a entidade / organização, o nome da mesma.
A pré inscrição acabará às 18h do dia 09/01/15.   

Entrada Gratuita

 

  

Última atualização ( Qua, 07 de Janeiro de 2015 12:39 )
 

Resultado do Campeonato de Boulder 2014 - Etapa ATM-RJ

E-mail Imprimir PDF

Clique AQUI para confirir o resultado do CAMPEONATO BRASILEIRO DE BOULDER 2014 - ETAPA ATM-RJ. 

 

ATM 2014

E-mail Imprimir PDF




26 de Abril, Sábado - Abertura da Temporada de Montanhismo, com Montanhismo Social


27 de Abril, Domingo - Abertura da Temporada de Montanhismo


PROGRAMAÇÃO

WORKSHOPS        CINE MONTANHA NA PRAÇA       PALESTRAS

                  CAMPEONATO BRASILEIRO DE BOULDER          OFICINAS       STAND CULTURAL

LANÇAMENTO DE LIVROS       SORTEIO DE BRINDES      E MUITO MAIS!

ATM NA MÍDIA

APOIO

RIOTUR
site_logo_trilhas_e_rumos site_logo_a5
 EQUINOX   Logo_Makalu-low   logo-NAFRONTEIRA   escalaalpin    

 ALPEN PASS 

   

 CURTLO 

 

 5.10 logo 


APOIO INSTITUCIONAL

MOUNTAIN VOICES CMV INSTITUTO MOLEQUE MATEIRO CEU  Aguiperj-_nova   sportsession_branco-01_1000 Canal_Off_logo


 

FEMERJ promove a conservação de montanhas através de mutirões no dia 21/09

E-mail Imprimir PDF

No dia 21 de setembro de 2013, foi o dia "Limpando Nossas Montanhas". O objetivo da ação era promover uma ação de limpeza de uma área de montanhismo, estimulando a educação ambiental e a promoção da conservação dos lugares que amamos, de maneira integrada com outras ações no Brasil - através do Programa Adote uma Montanha da CBME, na América Latina - através do A Limpiar Nuestras Montañas, do Acceso PanAm, e no mundo - através do Clean Up the World Day. 

A FEMERJ organizou um evento no Rio http://the-hottest-lesbian.tumblr.com/ de Janeiro e apoiou diversos outros eventos. Foram registradas 06 ações no Estado que faziam parte desta mesma campanha: Limpeza de Boulders na Urca (FEMERJ), Coleta de lixo e reflorestamento (Pão de Açúcar Verde), Coleta de Lixo e Limpeza de Grafiti na Pedra Hime (PEPB e CEL), Coleta de Lixo no Alto Mourão (PESET, CNM e Igreja), Coleta de Lixo no Vale dos Deuses (PEPT e CEF) e Coleta de Lixo na Pedra da Gávea (PNT).

Mais de 50 voluntários participaram das diversas ações, promovendo:
- Limpeza de 5 boulders na Urca, em parceria com o MONA ão de Açúcar e o 1o GSFMA do Corpo dos Bombeiros (CBMERJ)
- Retirada de 30 kg de lixo da Urca e 20 kg no Parque Estadual da Pedra Branca (PEPB)
- Limpeza de boulder com pixação no PEPB, em parceria com o Centro de Escalada JPA, PEPB, ITPA e CEL
- Manutenção da trilha para a Pedra Hime, no PEPB, em parceria com o Centro de Escalada JPA, PEPB, ITPA e CEL
- Coleta de lixo no Vale dos Deuses no Parque Estadual dos Três Picos (PETP), em parceria do CEF com o PEPT
- Coleta de lixo no Parque Estadual da Serra da Tiririca - (PESET), em parceria do PESET com a Igreja Batista da Orla de Niterói através de seu Ministério ORLA AVENTURA
- Plantio de mudas no Parque Estadual da Serra da Tiririca - (PESET), em parceria do PESET com a Igreja Batista da Orla de Niterói através de seu Ministério ORLA AVENTURA

A campanha teve forte adesão dos montanhistas em outros locais: a América Latina, foram registradas 27 ações em 05 países: Argentina, Brasil, Honduras, Peru e Uruguay. No Brasil, foram registradas 19 ações em 06 estados: Ceará, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo.

A FEMERJ gostaria de agradecer todos os voluntários que participaram das ações, bem como exaltar o excelente trabalho dos organizadores que dedicaram tempo e esforço à essa campanha.

Agradecemos também o apoio do 1o GSFMA do CBMERJ e da Control Lab na ação de limpeza da Urca.





Apoio para ação na Urca:

Última atualização ( Sáb, 24 de Maio de 2014 09:31 )
 

Liberado Acesso A Pedra Hime e arredores

E-mail Imprimir PDF

Foi autorizada a liberação formal da entrada para as escaladas da Pedra Hime e arredores pela Mineradora Tamoio, a partir do mês de setembro de 2013.
O complexo da Pedra Hime é a mais importante área de escalada do Parque Estadual da Pedra Branca, e esta foi uma negociação de alguns anos.

O acesso beneficia escaladores que rumam para a Falésia dos Anéis, Morro Jair Lourenço incluindo a falésia Secreta, de Cima e todas suas vias de parede, para os morro do Carrô e Minchetti na serra da Escada D'Água e para aprópria pedra Hime em si. Para os caminhantes o benefícios principais são a trila para o cume da Hime e a travessia Hime-Pau da Fome.

A entrada formalizada se faz pela portaria da Mineradora Tamoio que fica na Estrada da Ligação, no 1397 (último número mature porn mom videos da rua sem saída).

Na portaria basta identificar-se e assinar uma simples declaração de conhecimento das regras e riscos, que fica disponível na mesma. Este procedimento já foi efetuado e confirmado por escaladores da região no fim de semana de 7 e 8 de setembro.

Parabéns para todos os envolvidos. Quero me permitir um agradecimento especial para o empenho de vários anos nessa luta dos montanhistas Felipe Dallorto (nosso representante no Conselho do PEPB) e da Flávia dos Anjos. E, também a fundamental participação do INEA no arremate da negociação...André e Dani, valeu por mais essa!
Obs: Pessoal, não é preciso lembrar a importância de seguir as recomendações indicadas na declaração para mantermos o acesso aberto.
Abs
Delson
FEMERJ-Presidente
Última atualização ( Seg, 09 de Setembro de 2013 14:27 )
 

Novo acesso as Aderências do Sumaré

E-mail Imprimir PDF

Entre na Rua Lopes Quintas e siga quase até o final, vire à esquerda na Rua Visconde Itaúna.

Depois, entre na primeira rua à direita e logo depois na primeira rua à esquerda (Rua Sara Vilela).

Ao final, tem um larguinho sem saída, onde a trilha começa.

Siga pela mesma trilha da Cachoeira dos Primatas, numa entrada bem clara. Siga a óbvia trilha, passando pela área de escalada e pela cachoeira.
Suba pra parte alta da cachoeira e continue subindo a trilha. A trilha acompanha por vezes um cano de água e, às vezes, o cruza.

Há também marcas de solado de bota pintadas nas árvores (o logo da Trilha Transcarioca), na cor amarela.

Segue-se a trilha até o rio seco de pedras e, dali, é só subi-lo até a parede.

Primeiramente, passa-se por uma parede à direita com umas vias.

Para as vias mais clássicas, continue subindo e encontrará a parede à esquerda, onde estão as vias "Madame Satã", "Ladeirão" e outras.


Relato: Ricardo Daher (Draga)

Tracklog enviado por Felipe Hanover. Clique aqui para baixá-lo.
Última atualização ( Ter, 10 de Setembro de 2013 19:07 )
 

Aviso Dedo de Deus

E-mail Imprimir PDF

Atenção!


Os Cabos de Aço da trilha do Dedo de Deus encontram-se em estado precário, estando rompidos em alguns trechos.

Até a finalização de sua manutenção, é recomendável evitar sua ascensão.

Risco de Morte!

Última atualização ( Sex, 09 de Agosto de 2013 04:27 )
 


Página 1 de 2
first
  
last
 
 
start
stop

Escalada em Parques

O montanhismo no Brasil ocorre predominantemente em áreas protegidas e Unidades de Conservação (UCs). É fundamental mantermos uma relação sustentável com os órgãos gestores das UCs.
Veja aqui alguns regulamentos para escalar em UCs no Rio.



O montanhismo e a escalada são inerentemente perigosos. Os riscos podem ser minimizados, mas não podem ser completamente eliminados sem descaracterizar as características próprias das atividades. Praticá-las, implica em assumir a possibilidade de ocorrência de lesões permanentes, acidentes graves ou mesmo fatais. Sua segurança depende do seu próprio julgamento, baseado numa instrução competente, experiência e conhecimento de sua real habilidade de escalar. Esse julgamento inclui a avaliação das proteções e o entendimento que toda e qualquer proteção ou equipamento está sujeito à falha, e cabe ao escalador julgar as condições e assumir os riscos da atividade. A prática do montanhismo e da escalada pressupõe que os praticantes conheçam os riscos envolvidos, assumindo as responsabilidades associadas a tais riscos.

Baixe aqui o Termo de Risco completo da FEMERJ



Filiada à

 Confederação Brasileira de Montanhismo e Escalada